Me deixe ir…

Não me obrigue a ficar, mesmo eu não sabendo ao certo para onde estou indo e sem fazer ideia do lugar que eu quero chegar, eu preciso ir e se você me ama, você vai entender. O mundo com todas as suas adversidades não me assusta, pelo contrário, ele me inspira com toda sua imensidão para alcançar todos os meus sonhos e objetivos, mesmo que eles estejam tão distante do meu ninho.

passaro.gaiola2Sim! Você sempre soube que eu era como um pássaro. Não nasci para me aprisionar em uma gaiola, gosto da liberdade, gosto de voar alto, de sentir o vento no rosto e mesmo com todos os dissabores da vida, confio que sempre sou capaz de ir mais longe.

Quando achar necessário pouso em algum lugar desconhecido, exploro, aprecio e me renovo com tudo que puder até que um dia se houver uma tempestade no meio do caminho, mudo meu trajeto e resolvo seguir em frente, não pelas tempestades porque elas fazem parte, mas por já ter oferecido e extraído tudo de melhor que havia ali.

Agora voo para longe dando continuidade em mais uma nova aventura carregando comigo muitas histórias e todas as lembranças dos lugares que pousei. Qualquer dia desses eu volto para o ninho, volto com saudades, volto com mais bagagens cheias de experiências e novas histórias, volto para continuar sendo livre e talvez resolva ficar por um tempo, mas agora neste exato momento só peço uma coisa: Me deixe ir!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s